Simples Decoração - Porque o bom é simples

Dicas

Revestimentos para pisos e paredes(5) – Porcelanato

No 1o. post desta série falei sobre algumas características dos revestimentos, como Coeficiente de atrito, Absorção de água, Resistência a cargas, Resistência à abrasão (PEI), e Resistência ao risco. Hoje quero acrescentar algumas informações gerais sobre o Porcelanato.

O Porcelanato surgiu na França, na década de 70, durante pesquisas de um produto que pudesse ser usado em locais onde a cerâmica daquela época não tinha a adequada resistência ao desgaste (pisos de fábrica, etc).

Ele é um produto cerãmico também, obtido pela prensagem a seco de argilas, feldspatos (solo rochoso) e material inorgânico e queimado em altas temperaturas (mais que 1200 graus, acima da usada para cerâmica convencional). Resulta compacto, resistente ao desgaste, homogêneo e vitrificado, com mínima absorção d´agua, menor que a cerâmica comum.

Cada vez com menor espessura, é mais leve e fácil de trabalhar que as pedras naturais. Não tem as falhas características das rochas.

Atualmente uma tendência mundial, em grandes formatos (60X60, 100X100, 60X120, até 1X3m) e padrões que reproduzem a textura de tecidos, pedras, fibras, madeira, couro e cimento queimado; Há também aqueles com incrustações de partículas luminosas, metalizados, que reproduzem o couro de crocodilo, etc.

Características:

Altíssima resistência química, Resistência ao gelo, Resistência  mecânica (flexão, tração e compressão), à abrasão, alta durabilidade, reduzida porosidade (o processo de queima praticamente elimina os poros e a absorção de água é de  0,1% – Aluns porcelanatos até menos de 0.05% – ) .Porém, o fato de serem vitrificados os torna mais suscetíveis a quebras e lascas por impactos com materiais duros. Atóxicos e sem cheiro.

Recomendados para ambientes molhados como banheiros, cozinhas, saunas (atenção para o tipo de porcelanato: Em áreas molhadas devem ser anti-derrapantes, não polidos, consulte  o fabricante). São também muito utilizados em  salas, corredores, halls, ambientes comerciais e de serviços. Podem ser utilizados em pavimentos externos de edificações e áreas de grande tráfego.

Tipos de Porcelanatos: Anti-derrapante, Rústico-polido, Polido, Rústico e Esmaltado

Os porcelanatos polidos são mais suscetíveis a riscos, e  também podem ser escorregadios quando molhados.Nesse caso, existem produtos próprios para torná-los antideslizantes e antiderrapantes. Na verdade, todos os pisos riscam, mas os brilhantes tem menor resistência a riscos que os rústicos, por exemplo.

Diferenças entre piso cerâmico convencional e porcelanato:

A diferença básica está na absorção de água. Esta baixa absorção de água possibilita a alta resistência mecânica, suportando cargas pesadas, mesmo com menor peso e espessura; alta resistência ao gelo, podendo ser utilizado em locais com climas muito frios; a baixa expansão por hidratação, não deslocando se forem bem assentados e a possibilidade de se utilizar rejuntes mínimos, dando um acabamento diferenciado.

 

Como rejuntar Porcelanato: Devem ser usados rejuntes flexíveis à base de epóxi, hidro-repelentes e com tratamento antifungos. Quanto à cor, prefira os que sejam da cor do porcelanato. O rejunte deve ser aplicado em pequenas áreas por vez e, em seguida, limpos com um pano limpo (evitando manchas). É aconselhável aplicar o rejunte 72 horas após o assentamento e aguardar mais 72 horas para liberar o tráfego para o pessoal da obra e 14 dias para tráfego total.

Manutenção: Não deve-se  utilizar produtos que contenham ácido fluorídrico(como ácido muriático e xampu para pedras), nem produtos para retirar ferrugem de tecidos ou limpadores que dão brilho em metais (Eles podem causar danos irreversíveis).

Vantagens: Elevada resistência mecânica e a agentes químicos; fácil limpeza e manutenção; grande diversidade de formatos e dimensões, cores e texturas; impermeabilidade;  baixa porosidade, baixo custo de instalação.

Desvantagens: Custo elevado; pode lascar nas extremidades ou durante o transporte e assentamento;  piso “frio”; não suporta tráfego de veículos e é  vulnerável à abrasão superficial quando esmaltado.

Posts relacionados

Comentários:

Rosana Silva · 28 de novembro de 2010 às 18:58

Oi, Mary,
É possível, mas vc tem que ver se vai gostar da combinação de cores do piso, rodapé e tabeira. E tem que ver a questão do nível da sala…Para manter, o ideal é que a altura continua a mesma atual.
bjo
Rosana

Responder

Simone · 28 de novembro de 2010 às 19:45

Queria colocar porcelanato bege no chão da minha cozinha.Qual a cor do revestimento na parede combinaria??

Responder

Rosana Silva · 28 de novembro de 2010 às 11:26

Oi, Simone!
Bege é uma cor neutra, combina com quase tudo. Eu só sugiro que escolha os 2 juntos, para ter certeza que gostará da combinação, ok ?
bjo
Rosana

ana cleia · 28 de novembro de 2010 às 22:52

Meu piso e um porcelanato tipo madeira mas brilho,so quero joga um grafite no destaque e o tento emneve e as paredes gelo s o acha.

Responder

Rosana Silva · 28 de novembro de 2010 às 21:33

Ana,
Todas estas cores são neutras. Acredito que ficarão bem.
Bjo
ROsana

Cryslayne · 28 de novembro de 2010 às 07:55

Olá, Eu e meu noivo estamos discutindo o que botar na parede da cozinha.
O piso já foi decidido, será um porcelanato bege claro.
Ele quer que a parede da cozinha seja do mesmo do piso.
Já eu quero na parede alguma cerâmica branca e um diferencial de pastilha de vidro.
Ele disse que não fica legal misturar num ambiente porcelanato e cerâmica.
Queria saber qual a melhor ideia, a dele que é fazer tudo igual ou a minha?

Responder

Rosana Silva · 28 de novembro de 2010 às 20:43

Oi, Cryslayne,
Não há problema em colocar porcelanato no piso e cerâmica na parede. Misturar os 2 na mesma área é que é complicado. Veja aqui: http://vilabacana.com.br/inspiracao/tudo-junto-e-misturado/
Não há melhor ideia, é tudo uma questão de gosto neste caso. Acho que seu noivo gostaria de uma cozinha mais neutra, mas isso tbem pode ser conseguido com pastilhas, como vc deseja, no mesmo ou em tom parecido com o piso em porcelanato. Veja aqui um monte de cozinhas com diversos acabamentos diferentes no piso e paredes: http://casa.abril.com.br/ambientes/100-cozinhas-para-amar/
Leia este artigo sobre porcelanato e cerâmica, que eu acho muito bom: http://revista.zapimoveis.com.br/veja-o-que-voce-precisa-saber-sobre-ceramica-e-porcelanato-para-evitar-problemas/
bjo
Rosana

Jeane · 28 de novembro de 2010 às 19:28

Estou querendo revestir toda a parede do meu quarto c porcelanato esmaltado um a parede decorado e nas outras lido .sera q ficará legal?

Responder

Rosana Silva · 28 de novembro de 2010 às 01:17

Oi, Jeane!
Não é comum porcelanato em parede de quarto, mas já vi e se vc procurar na internet vai encontrar alguns, especialmente os que imitam madeira. Os esmaltados costumam fazer o ambiente parecer muito frio.
bjo
Rosana

Deixe o seu comentário!