Simples Decoração - Porque o bom é simples

Jardim

Plantas fáceis de cuidar – Parte 6

Nesta nossa série “Plantas fáceis de Cuidar” nossa editora de jardinagem e paisagismo, a Marcia Nassrallah​, já falou da Flor do Guarujá  ,  da  Onze Horas , da  Fitônia ou Planta mosaico ,  das Peperomias e Ráfis  e da folhagem Coleus.  Agora ela vai falar de uma planta bem excêntrica: Um cacto que dá uma fruta interessante (e cara, gente!). Juro que eu não conhecia! Vc já ouviu falar na Pitaya??? Pois na chegada do Carnaval, nada melhor que uma “diferentona”, não é ? rs!

AH! E não deixe de ver a Pitaya no vídeo que já está no Canal do Simples Decoração no You Tube

pitaya 3

( Foto: gralon)

A Pitaya também conhecida como fruta dragão (Hylocereus polyrhisus, Hilocereus megalanthus, Selenicereus undatus), da família dos cactos epífitos e nativa da América Central e México;  de​ Sol pleno e clima quente e úmido é uma espécie rústica que não demanda muitos cuidados.

20170202_131828[1]

Ela se propaga por estaquia dos ramos ou sementes.​ Para estaquia basta 3 cm de solo, mas é bom deixar preparado um berço de 30 x 30 cm com solo arenoso e leve, misturado com esterco. Pode ser plantada em vaso também.Use de preferência adubo orgânico (esterco, pó de rocha, calcário, cinzas de lenhas). Faça isso na primavera, no verão e no outono.

Tanto no solo quanto no vaso, ela precisa de uma estrutura que a sustente. Uma estaca de 1,5 m é suficiente e pode ser encostada a uma parede ou muro.

20170202_131842[1]

Visto que se trata de um cacto muitos produtores não regam, deixando esse trabalho por conta das chuvas. Mas depende da região. Se for muito seco e a produção for grande pode-se fazer irrigação por gotejamento. Se plantar em vaso regue 1 vez por semana. É bom retirar os ramos novos para estimular a produção. Ela tem flores, mas elas só duram uma noite…

pitaya 2

(Foto: montrazona)

Entre o plantio e a colheita do fruto leva-se cerca de 1 ano. É importante ter tipos diferentes de Pitaya para que haja polinização cruzada (logo, frutos!). Caso não haja, você deverá fazer isso. 

Curiosidade: Existem alguns tipos Pitaya, veja as fotos  – vermelha com polpa branca, vermelha com polpa roxa, amarela, branca, pink, figo da Índia. A amarela é mais doce, embora menor.

pitaya 1

Foto: jardimexotico

Seguindo  as instruções, a produção poderá ser, no 1o. ano: 5 a 10 frutos; no 2o.: cerca de 50 frutos; e no 3o. ano cerca de 90 frutos por pé –  ( Pitaco da Rosana: Caramba! Dá até para ganhar um dinheirinho, hem? rs! ) 

20170221_121327

Ela pode atrair formigas e pássaros. No caso das formigas poderá usar algum defensivo. No caso dos pássaros, deixe os menores frutos para eles.

20170202_131849[1]

(Ela é mesmo diferentona!)

Se gostou, curta, comente e compartilhe.

Marcia Nassrallah​

Studio MS Design de Interiores e Paisagismo

Posts relacionados

Comentários:

Rosana Silva · 22 de fevereiro de 2017 às 22:55

Que legal! Carmen! Se quiser, manda foto pra gente! Rosana@simplesdecoracao.com.br
bjo
RO

Responder

Zilmária · 22 de fevereiro de 2017 às 08:11

Tenho vários pés de pitaya no meu quintal mas ñ dá frutos o que fazer?

Responder

Rosana Silva · 22 de fevereiro de 2017 às 01:59

A Márcia vai lhe responder logo, logo, Zilmária!
bjo
RO

Rosana Silva · 22 de fevereiro de 2017 às 14:05

A Marcia respondeu:
Oi Zilmária.
Entre o plantio e a colheita do fruto leva-se cerca de 1 ano. É importante ter tipos diferentes de Pitaya para que haja polinização cruzada (logo, frutos!). Caso não haja, você deverá fazer isso

Deixe o seu comentário!