Simples Decoração - Porque o bom é simples

Conceitos Dicas

Tendências da decoração em 2018

E lá vem 2018 e, como sempre, as revistas e artigos falando sobre o que a indústria de decoração está apostando que você vai comprar para sua casa (e que esta indústria está investindo zilhões para que você compre, é claro!).

E lá vou eu fazer as minhas apostas – só pelo prazer de ver o quanto acerto ou erro. Vamos lá ver o que acertei em 2017 e o que vejo para 2018?

Mrsboho_salon_autumn_smalldesignideas

Industrial chic com plantas – 2017 – foto Mrsboho

No final de 2015 falei que em 2016 o Estilo Industrial ia crescer. Em 2016  disse que ele continuaria em 2017, mas teria novas influências, como o aumento de toques “femininos”  e a “invasão das plantas” É, fiquei mesmo feliz com estes acertos, apesar de não serem tão difíceis de prever !  

E agora em 2018, acredito que esta tendência de tornar “mais delicado” o estilo industrial continuará acontecendo (e inclusive em outros estilos) e você já está vendo:

a) As plantas (cactus e suculentas, agora estão no auge e vão ficar ainda um bom tempo) em tecidos, revestimentos e vivas e belas por toda casa!

estilo20181

b) As cores suaves (como os tons pastel e  acinzentados – a exemplo do Rosa Millennial)  vão dividir o espaço com os cinzas e provavelmente você verá um tanto de cores terrosas e beges (estes estavam meio sumidos, mas acho que vão começar a aparecer mais e mais)

perfeitaordem tijolo_a_vista9a

O caminho do Industrial 2017/2018 – Cores suaves, tons terrosos e plantas – Foto:perfeitaordem

c) As formas arredondadas – Em ambientes em todos os estilos, inclusive o industrial, já começamos a ver, no lugar das linhas retas, formas arredondadas, orgânicas. Estão mostrando muitos sofás arredondados, mas acho que esta moda não pega para o “grande público”: É complicado ter sofá redondo em salas muito pequenas onde há TV, como a casa da maioria…

mostra-artefacto-17-ricardo3João Armentano

Não faltaram forma arredondas / orgânicas, tendência para os beges e tecidos aveludados nas mostra de decoração – Foto:mostra-artefacto (João Armentano)

d) Estampas com temas alegres, juvenis e/ou delicados e texturas aconchegantes: Florais, tropicais e geométricos, além do veludo, que já se vê aqui e ali (este é mais difícil de vingar devido ao nosso clima..).

livinggazette casa-cor-17-rest-badebec3

Cores leves, texturas aconchegantes, formatos arrendondados, orgânicos Foto: casa-cor restaurante badebec (Patrizia Genovese e Guilherme Longo)

Lá também em 2016 falei que os revestimentos de parede com volume e/ou geométricos passariam a ser usados de uma forma mais seletiva em 2017 ,seriam mais simples e leves e que iria aumentar mais ainda o uso de revestimentos que parecem outros (madeira, mármore, cimento, etc

Estou toda boba pq acertei novamente e agora em 2018 o que vai se estabelecer, na minha opinião, são mesmo os geométricos mais delicados, em cores leves ou usadas de forma mais discreta. Você já está vendo eles por aí. Vai ver mais!

decorfacil20170716revestimento-para-cozinha-50

Maior delicadeza nos revestimentos, toques do industrial, preto, madeira clara, chevron e espinha de peixe em alta – Foto:decorfacil

decorfacil20170716revestimento-para-cozinha-74

Coloridos delicados – Foto:decorfacil

Em 2015 e 2016 falei do Cobre e o Dourado, além das peças em metal preto – em luminárias, peças hidráulicas, móveis… Para 2018 acredito que eles continuarão, mas o Cobre claro, rosado vai levar uma vantagem em peças mais delicadas (olha o feminino de novo!). 

arquiteturadoimovelff67421

Formas orgânicas, cobre rosado, rosa acinzentado na parede, cinza presente – Foto:arquiteturadoimovel

Enfim, falei em 2015 e 2016 do “Contra ataque feminino” e vejam só: Ele está aí, com toda a força e crescido ! 

Em 2016 apostei para 2017 no que chamei de Raízes  Artesanato, Faça vc mesmo, hortinhasE acho que fui bem, não é mesmo? Para 2018, continuo apostando nisso e vejo  crescer o movimento que tenta sofisticar o feito à mão, que tem potencial e pode ter muito mais sucesso se os preços não forem abusivos, como alguns que estou vendo por aí :(

Mrsboho_salones_verano_ThedesignVilla3

Peças artesanais valorizadas – Foto:Mrsboho

Como pensei, o Ladrilho Hidráulico e o Cobogó, como eram usados em 2015 e 2016, perderam  espaço para peças mais leves. E acho que vão perder mais ainda em 2018.

As Cores do Ano  Em 2016 para 2017 apostei na cor Greenery e na paleta romântica da Coral  – Na verdade, o que bombou mesmo foram os cinzas ainda ( :( ).

cordoano

Acredito que em 2018 eles vão continuar, mas acompanhados e também substituídos pelos pasteis, cores mais femininas, os terrosos, beges, rosas, verdes e azuis acinzentados (Veja as cores do Ano da Coral, Suvinil, Pantoneque está apostando em cores muito vibrantes para o verão 2018, que não penso q vão estar tão presentes na decoração brasileira fortemente, mas sim na moda –  Sherwin Williams o azul forte cor do ano dela só imagino em detalhes ou com muito branco, mas as cores neutras e mais leves – veja a Sincerity  – tem tudo para aparecerem muito por aqui.)

Mrsboho_primavera_2017_stylebyemilyhenderson

Descontração, despojamento, cores alegres, delicadeza, aconchego, natureza – Muito do que penso que teremos em 2018 – Foto: MrsBoho

O Estilo em ascensão do ano Eu acredito que em 2018, considerando tudo que falei acima, apesar do estilo industrial ainda estar presente, ele vai misturar as características aconchegantes do estilo boêmio, mas contido nas cores e  mais simples – imagine um “industrial” “boêmio” que se encontrou vagamente com o “minimalismo”, vamos dizer assim...Estão falando faz algum tempo do ” estilo hygge de decorar” e do Lagom mas não como estilos de decoração – eles se vendem como estilos de vida aconchegantes , originais e simples – acho que passa por aí esta nova tendência, mas ainda será mais “abrasileirada”  e não sei que nome terá ou até se terá um. Mas que vamos ver, nós vamos, sim, um jeito de casa mais quente, colorido, aconchegante, intimista, descontraído e feminino que o industrial, mais “refúgio”e bem pessoal.

Mrsboho_salones_verano_Lulu&georgia

Foto:Mrsboho

Por fim, como vocês podem ver,  eu acredito que as coisas na decoração – e na vida, em geralvão se transformando lentamente, um estilo vai se transformando até deixar de ser ele e ser outro estilo, que é o que estamos vendo acontecer com o estilo industrial. É claro que existem momentos de ruptura em que tudo vira de cabeça para baixo – novamente, assim como na vida – mas não é todo dia.

Posts relacionados

Comentários:

Cássia · 27 de novembro de 2017 às 13:58

Vejo flamingos, abacaxis e cactos por toda parte, com a paleta de cores correspondente: vários tons de rosa, de verde e de amarelo, incluindo leves toques de dourado. Parece uma vibe meio “Florida/Miami”, não sei o nome do estilo.

Responder

Rosana Silva · 27 de novembro de 2017 às 19:44

kkkkkkkkkkkkk!
É meio por aí mesmo, Cássia! Claro que há um certo exagero (nem tudo que aparece em revista acaba mesmo “pegando”)…
bjo
Rosana

Malice Miller · 27 de novembro de 2017 às 12:29

Minha amiga querida: apesar de não curtir muito as tendências anunciadas, nada a opor. Acho que sua pesquisa está muito bem feita e o caminho é este mesmo – seja em decoração seja na vida, é tudo suave e lento, a menos que haja alguma ‘quebra’, algo brusco e inesperado que ninguém espere que aconteça, lentamente a gente vai mudando o jeito de arrumar a casa, os adornos, as cores, as formas, etc. e tal. De todos os acertos, eu até acho que se denomina “estilo industrial” nada mais é que o se fazia nos lofts há algum tempo atrás, talvez um pouco mais radicalizado. Eu só não esperava pelas plantas, mas uma “suavização” haveria de vir. Que bom que foi pelo verde! Parabéns! Trabalho de alta classe!
Um beijo de tua também fã!

Responder

Rosana Silva · 27 de novembro de 2017 às 22:58

Obrigada, linda amiga Malice!
Realmente, o estilo industrial vem daqueles lofts e até copiando e adequando o que naquele tempo era uma necessidade… as coisas vem e vão. E nós com elas… Eu esperava pela “reação” à tanto cinza … só não sabia que seria o verde a reagir, mas foi ótimo e espero que dure muito tempo! Obrigada!
bjo
RO

Deixe o seu comentário!