Selecionei alguns produtos, digamos, bastante excêntricos, que encontrei por aí. Estes objetos me espantam, em diversos sentidos… mas, como alguns já comentaram aqui, gosto (e onde se gasta dinheiro, eu acrescento) não se discute!

1) Azulejinho bonitinho! Aquelas pedrinhas são DIAMANTES! O preço: 1 milhão de dólares por mais ou menos 3 metros quadrados… 2) Isso é uma cadeira chamada, coerentemente, Dolphin Chair 3) Esta vaso sanitário com bacia acoplada é feita com um monte de cristais Swarovski – 25 mil dólares.

1) A caminha real aí em cima é para rei mesmo: 6 e meio milhão de dólares somente. E a panela com detalhes em ouro e diamantes não descobri o preço (acho que ficaram com vergonha de dizer)  Será que eles parcelam em 10 x ?

1) O nome, tbém apropriado, é “Martin – The Mule” . O Martin deve estar irado!  2) Linda esta estante que custa 75 mil dólares, não é mesmo ?

1) Eu não conseguiria relaxar depois de comprar esta chaise de 60 mil dólares… 2) Eu não sei o que esta faca (?) está fazendo aí, mas este papel de parede (lindo, por sinal!) é feito a mão e custa somente quase 3 milhões de dólares (não sei bem se o metro ou o rolo ou que medida, mas fiquei desinteressada de saber este detalhe… acho que não combina com a minha sala…)

Todas as fotos do site Furniture Fashion

12 COMENTÁRIOS

  1. Ai, Calliandra! Sua história tá mais excentrica que este post…kkkkk, que horror!
    mas talvez o rei poderia descansar entre uma ida e outra lendo um dos livros da estante…
    bjo
    Ro

  2. O Rei Golfinho relaxava depois do jantar em sua cadeira real, qndo veio a vontande de dar aquela cagada “brilhante” no seu vaso de Swarovski! Mal sabia ele que lá vinha uma noite de rei, literalmente…. da cama pro trono… do trono pra cama…
    Tudo por causa da gororoba feita em sua panela igualmente brilhante!
    Foi chamada a mula real, encarregada pelo papel higiênico real, pra ficar de plantão!
    Passado o desespero, a cama toda borrada, pq as vezes não dava tempo, ele foi pra sua chaise campestre na varanda do castelo pra tomar um ar e se livrar daquela catinga que tava de matar!
    De matar mesmo, pq a rainha Jujubarte quase fez isso! A faca real já estava no ponto!!! Já via-se a morte nas paredes do palácio…
    Putz… essa estante eu não sei onde enfiar na historinha não!!! kkkkkkk
    Beijo!!!

  3. Rosana, vim agradecer a visita la meu canto, fiquei honradissima!
    seu blog é fonte de inspiração pra muita gente, adoro suas opiniões!
    Qula seria a sensação de usar este vaso sanitario? Dificil imaginar que sua utilidade seja maior que um comum…rsrsr

    bjs

  4. Oi, Cálio,
    Respondi por e-mail mas reafirmo aqui: Peço desculpas se minha brincadeira deu margem a se pensar que tenho qquer tipo de preconceito em relação aos nordestinos. Odeio preconceito de qquer tipo e adoro o povo nordestino, até porque é de la minha família e lá tenho grandes e queridos amigos. O texto já foi retirado.
    Obrigada
    Rosana

  5. Sobre a imagem de “Martin – The Mule”….

    Não, com certeza isso não faria sucesso no interior do Nordeste do Brasil… pois apesar de aqui os “Jegues carregarem o mundo”, as pessoas que vivem aqui são tão normais quanto as pessoas do Brasil como um todo. E claro que alguém pode gostar desse artigo tão excêntrico, mas dizer que “faria sucesso aqui”… eu te digo que definitivamente não!!

    Não quis ser rude não tah? Mas é que eu admiro e sigo esse blog, e precisava dizer o que eu estava pensando! Não me leve a mal… eu também não ando com uma peixeira na cintura!! (Tah, isso foi rude, kkk, mas foi brincadeira!!) rsrsr

    Bjus

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui