4 dias atrás fiz um post com esta pergunta: Erro ou extravagância ? E pedi a opinião das(os) leitores(as) e disse que iria falar sobre as fotos, com a minha opinião. Vamos ver o que deu?

A leitora Vânia Gini disse que não é o gosto dela, mas que faria uma sala assim para um cliente cujo gosto fosse coerente com o estilo da sala; Já a Anna  Karina e a Katia a acharam “carregada” (de cores e/ou elementos);  A Iris acha que tem pouco espaço para sentar tanta gente.

A minha opinião: a) A combinação de cores  harmônica, verde e amarelo,  é pouco usada por aqui,  – acredito que devido à lembrança da nossa bandeira. Em outro país não há esta forte ligação, o que muda o jeito de “ver” o ambiente. b) Os itens que me chamaram a atenção foram: o vaso com aquele arranjo monstro no aparador – acho que é demais para o meu gosto, que “polui” o ambiente –  e o papel de parede com estampa floral que  também é muita “poluição” para mim. Qto às cadeiras,  parece, mas não tenho certeza, que entre o aparador e elas há mesmo pouco espaço.

Mas veja só:

Minha” intervenção”, tirando  o que eu não gostei: Limpou, mas ficou muito “simples”, perdeu o aspecto glamouroso do espaço, que não tem a ver com o meu gosto, mas que tem tudo a ver com o lustre, a estampa do papel de parede, o espelho, o estilo das cortinas e até o vaso “exagerado”, percebeu?

E – principalmente se vc quer glamour –  esta “intervenção” que fiz prejudicou a decoração…

Não há erro nesta decoração. Há um gosto e/ou estilo diferente do nosso.

Houve um consenso aqui: As  leitoras acham o que o pessoal errou a mão na quantidade de almofadas. E é mesmo! Elas são muito bonitas mas quando vc exagera na quantidade faz com que os detalhes não sejam vistos: Ficou só um monte de almofadas e o pior, quase todas da mesma cor! Veja que o lado esquerdo, onde há algumas mais claras, ficou mais leve e harmônico com o ambiente…Mas é almofada demais com cores mal escolhidas! Outro ponto de atenção é a altura em que estão os quadros. De um deles nem se vê a parte inferior da moldura.

Aqui há  erro: Não é funcional, não cria um clima ou estilo e prejudica os elementos usados.

Sobre esta foto a Anna Karina usou um termo perfeito: Saturação proposital.  Sintetizou perfeitamente o que me parece ser o objetivo desta decoração: Cores saturadíssimas sobre um fundo marrom neutro perfeito. Excesso de almofadas, objetos…Podemos gostar ou não gostar, mas o objetivo é bem claro e muito bem executado: Saturar com cores e objetos.

Visual descolado (Vania), claustrofóbico (Anna), Mais apertado do que realmente é (Iris) , Outro papel, por favor (Rosamiria). Este lavabo é uma ousadia jovial e descontraída que, como já falei aqui algumas vezes, dá para fazer (se vc é ousado, bem humorado e descolado o bastante) em um lavabo pq ninguém fica lá muito tempo… E se não quiser ousar tanto é só escolher (ou montar com fotos) figuras mais delicadas e/ou com cores mais tranquilas.

Também tem uma intenção, que foi bem realizada: Descontração, humor, “o descolado”.  Podemos detestar e não conseguir ficar aí dentro. Mas o objetivo da decoração foi alcançado.

E  é isso que temos que estar atentos(as): Qual o seu objetivo? Qual o conceito que está por trás do seu ambiente ? Qual o “clima” que deseja passar ? O que vc quer dizer com ele ?

Obrigada pela participação da leitoras: Anna Karina, Vânia Gini, Katia, Iris, Rosamiria e Aline

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui