Vcs já perceberam isso: ECOnomia e ECOlogia ? O prefixo “ECO” vem do grego e significa CASA, habitat. Não é legal?

Aplicar piso sobre piso além de mais barato é em geral mais rápido, produz menos bagunça na sua casa e menos entulho o que é muito bom para os aterros já sobrecarragados.

O pessoal das contas diz que  vc vai ter uma economia de mais que 50% (considerando cerâmica e somente o custo de mão de obra):  Achei um estudo de 2008 que informa R$ 38,00 por m2 para trocar (remoção da cerâmica e entulho, regularização da base e colocação da cerâmica)  e R$ 17,00 para sobrepor (remoção de peças soltas, preenchimento da base e colocação da cerâmica).

Mas considere que:

1) É preciso ver se o piso anterior está mal colado,solto ou quebradiço. Se estiver, ele deve ser retirado e o espaço deve ser preenchido com graute (uma espécie de argamassa).Na própria colocação do novo piso, algumas peças do anterior podem ser quebradas. É SUPER importante que o piso anterior seja muito bem NIVELADO com argamassa específica para isso. Alguns profissionais não recomendam a colocação de piso sobre um piso muito danificado.

 

2) O novo piso vai ficar mais alto (o quanto depende da espessura da nova cerâmica). Deve-se ter atenção para que esta altura não ultrapasse a da soleira, principalmente em ambientes que estão ligados à área externa. Se ultrapassar é necessário refazer a soleira. E a altura das portas,  tbém deve ser ajustada, para não ficarem emperradas no piso novo. Outra coisa que muitas vezes se esquece: Pontos de tomadas, saídas de água, rodapés e janelas vão “mudar” de altura tbém, na mesma proporção.

3) E por último (e o mais importante): contrate um azulejista de sua confiança e que já tenha feito este tipo de serviço.

Sobre cerâmica e pedras vc pode colocar cerâmica, laminado ou vinílico (em áreas secas), porcelanato, tecno cimento, etc. Se o piso anterior tiver sido revestido com resina, esta deve ser retirada.

Sobre PISO DE MADEIRA NÃO SE PODE FAZER isso! A madeira se movimenta (se retrai e dilata de acordo com o calor) e não pode ser molhada com a argamassa, como seria necessário. Já colocar piso de madeira sobre cerâmica é possível.

ATUALIZAÇÃO IMPORTANTE:

A Leitora Virginia acrescentou uma questão que vc deve pesquisar ANTES de fazer um piso sobre piso no seu apartamento:

“Em atenção aos mais recentes acontecimentos divulgados na mídia sobre o desabamento de construções no Rio e em São Paulo, seria bom lembrar que o cálculo para a sustentação das lajes não leva em consideração que nelas serão aplicados dois pisos e o dobro da argamassa. O mesmo em relação ao revestimento das paredes. Creio ser interessante alertar que se todos em um edifício fizerem essa escolha haverá perigo de desabamento.”

Onde vc encontra mais informações:

http://www.equipedeobra.com.br/construcao-reforma/28/assentamento-de-piso-sobre-piso-168207-1.asp

http://www.weber.com.br/assentar-revestimentos/o-guia-weber/solucoes-construtivas/como-assentar-e-rejuntar-piso-sobre-piso-ou-azulejo-sobre-azulejo.html

E veja este video, que fala dos produtos da Weber Saint-Gobain, com um passo-a-passo (MAS POR FAVOR, CONTRATE UM BOM AZULEJISTA PARA ECONOMIZAR O SEU DINHEIRO):

8 COMENTÁRIOS

  1. Oi, Antonio,
    Muitas vezes acontece do profissional que vai executar o serviço preferir retirar o piso anterior por estar mais acostumado com isso (piso sobre piso é uma técnica nova) e até pq acaba cobrando mais caro , pois o trabalho é maior. Atualmente existem pisos específicos para isso que são bem finos e leves (veja este, tem 5mm de espessura : http://www.portobello.com.br/pt-BR/extra-fino/index/191097 há até com 3mm..).
    Mas: Estes pisos são mais caros que os normais, necessitam de mão de obra experiente neste tipo de serviço e o piso abaixo deve ser tratado para estar TOTALMENTE nivelado, pq senão vc terá problemas. Além disso, as peças do piso atual não podem estar quebradas ou estufadas. Se a sua ardósia é rústica, ela apresenta muitos desníveis naturalmente, o trabalho de nivelamento deve ser muito bem feito.
    E para ter certeza que não está sendo enganado por profissionais inexperientes ou interessados em ganhar mais sem se importar com o inconveniente que vão lhe trazer, vc pode consultar um engenheiro civil, para avaliar a sua situação específica. Esta seria a ação mais segura.
    abs
    Rosana

  2. Moro no 2° andar de um prédio de 4 andar. Meu piso é de ardósia. Gostaria de usar piso sobre piso, mas alguns profissionais que conversei disseram que pode ser perigoso
    devido ao aumento de peso sobre a fundação. Gostaria de uma opinião mais profissional.

  3. Oi, Sofia,
    Olha, acredito que vc pode colocar um piso flutuante, que tem mantas mais leves entre o contrapiso e o novo piso. Mas não sou expert nisso, portanto sugiro que vc contrate um engenheiro q analise o seu problema, exatamente para considerar a questão da sobrecarga.
    abs
    Rosana

  4. Olá, bom dia. Estava vendo a matéria acima e gostaria muito de ser respondida quanto a minha dúvida. O nível do piso da casa onde moro é para dentro, tipo: descemos um degrau para entrar na casa, algo muito errado, principalmente quando chove. Queria nivelar esse piso deixando o piso interno mais alto que o externo, mas tenho medo da sobrecarga, já que é uma laje e embaixo mora meus pais. Qual o tipo de material que pode ser usado? Isso é possível? Aguardado uma resposta, por favor…

    Obrigada!!

  5. Me desculpe discordar da Virginia. O piso anterior foi colocado sobre um contrapiso, enquanto o segundo foi colocado apenas com a cola.
    Ademais o contrapiso no qual o piso original foi colocado leva muito mais argamassa do que a cola do piso propriamente colocado, que no caso é apenas cola, que evidentemente não tem o mesmo peso da argamassa. Nesse caso do piso sobre piso, o peso acrescentado é apenas o peso da cola e das peças. Diante disso, não acredito que haveria possibilidade de desabamento.

  6. Em atenção aos mais recentes acontecimentos divulgados na mídia sobre o desabamento de construções no Rio e em São Paulo, seria bom lembrar que o cálculo para a sustentação das lajes não leva em consideração que nelas serão aplicados dois pisos e o dobro da argamassa. O mesmo em relação ao revestimento das paredes. Creio ser interessante alertar que se todos em um edifício fizerem essa escolha haverá perigo de desabamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui