Já falei muito sobre os perigos e problemas que você pode ter em uma reforma, tanto que sintetizei 10 posts que você TEM que ler antes de começar uma reforma (leia e anote mesmo! São muito importantes!

Mas neste post vou falar de detalhes que podem estragar sua reforma.

É tanto para lembrar que alguns “detalhes” são esquecidos.

E o pior: aquela “bobagem” pode atrasar a reforma, aumentar os gastos, trazer desconforto (visual, estético, físico, funcional, etc), enfim! Atrapalhar a vida!

Então, vamos a eles!

Detalhes que podem estragar sua reforma

1) Esquecer do que vai manter quando está planejando sua reforma

Muita coisa pode e deve ser mantida mas não podemos esquecer de harmonizar a nova decoração com os itens que desejamos manter. Veja 2 exemplos:

a) Se não for trocar o piso não esqueça de combinar as cores dos novos revestimentos com ele

Detalhes que podem estragar sua reforma - Esquecer de combinar revestimentos
Foto: Maria Killam

Gosto muito desse exemplo dado (fig. à esquerda) pela excelente designer Maria Killam: As cores do piso e da bancada não combinam e mesmo prejudicam-se mutuamente. Olha, na foto da direita, a diferença que faz a escolha da cor do tampo de bancada que combina com o piso existente.

Não esqueça que isso vale não só para piso e sim para qualquer revestimento (o tecido do sofá antigo, a cor da madeira da cadeira de balanço da vó, tudo que for mantido).

b) Aquela mesa cheia de histórias da família e que você ama, deve sim, ser mantida. Mas ela é a melhor solução para a sala de jantar que planeja? E combina com o estilo da nova decoração?

mesa ruim para canto alemão
Foto: Habitissimo

Esta mesa dificulta o sentar e levantar.

ótima mesa para canto alemão
Foto: CasaClaudia

A melhor mesa para o canto alemão é a que permite ótima movimentação das pernas (as com pés mais para o centro do tampo são as melhores).

Novamente, isso vale para qualquer móvel (ou acessório, como uma luminária, por exemplo) que queira manter. Ele deve ser encaixar estetica e funcionalmente com a nova decoração.

2) Desconsiderar o impacto de uma modificação

A reforma, por menor que seja, dá um novo “clima” para a casa e muda a nossa visão de todo o ambiente e até o jeito de usá-lo. Por isso, pode ser necessário ajustar coisas que nem pensamos a princípio. Veja 2 exemplos:

a) Vai escurecer a cor das paredes de um ambiente? Talvez você precise mexer na iluminação!

Cores muito escuras na parede sugam a luz. Sala colorida paredes escuras
Foto: Minhacasaminhacara

Você deseja mudar a cor clara das paredes da sala por uma cor escura e impactante? Não esqueça que cores claras refletem a luz que entra pelas janelas e as cores escuras, como você pode ver acima, “sugam” a luz.

Por isso você pode precisar aumentar a iluminação artificial (trocando as lâmpadas e/ou colocando mais pontos de luz).

b) Vai colocar um grande espelho? Talvez você precise mexer na iluminação!

cozinha sala de jantar com grande espelho
Foto: A4 Moveis planejados

Grandes espelhos, como você pode ver acima, duplicam a luz do ambiente e, quando colocados frente a algumas luminárias ou a luz do Sol, podem causar ofuscamento.

É preciso atentar também para a possibilidade do grande espelho refletir cantinhos que você prefere mais discretos (essa é outra questão esquecida muitas vezes).

3) Não ter (um bom detalhamento de) projeto

Os exemplos abaixo normalmente acontecem quando a reforma não é feita por profissionais e/ou quando não há um bom detalhamento de projeto. Seguem eles:

a) Esquecer do espaço para a cortina e roupa de cama!

Se vai acrescentar ou trocar o rack ou sofá,  colocar prateleiras, acrescentar mesinhas, enfim, mexer em qualquer coisa que vá até a parede onde haverá uma cortina de ponta a ponta, não esqueça que cortinas ocupam espaço e cada modelo ocupa diferentes espaços.

sala pequena em cores neutras
Foto: CasaAbril

Acima, a prateleira e o rack deixam um bom espaço para a cortina.

Já vi pessoas que esqueceram completamente da cortina, levando o móvel até a parede. Aí ou você convive com o problema ou modifica o móvel, gastando mais que o previsto.

Sempre tenha em mente o espaço que a cortina mais encorpada que você tem vai ocupar.

A roupa de cama também ocupa espaço. Logo, é necessário que ele exista entre a cama e cabeceiras, mesinhas de cabeceira e móveis laterais fixos.

Quarto com cama entre móveis
Foto: dustjacket

Acima, um bom espaço entre o móvel fixo e a cama para a colocação de travesseiros, lençóis, colchas e edredons

b) Não considerar o que é preciso guardar

Guardamos muita coisa e elas ocupam espaço que deve ser planejado.

E tem muita gente esquecendo. Tantos que um dos posts mais lidos aqui é “45 ideias para organizar e guardar seus sapatos”. Isso quer dizer alguma coisa, não é mesmo? 

Espaço para guardar sapatos no quarto
Foto: Decorfacil

Um lar não é só o que vemos, mas, eu diria, principalmente, o que queremos “esconder”, precisamos ter a mão quando necessário e parece que nunca temos espaço suficiente.

Sapatos, bolsas, roupas, louças, condimentos, coleções, livros, material de limpeza, vassouras, aspirador de pó, etc., etc.…É preciso planejar. Com folga (para certos itens).

organizar condimentos
Foto: DicasTruqueseArtimanhas

c) Não observar as especificações de revestimentos

Há cerâmicas para piso e cerâmicas para parede. Cerâmicas que não devem ser colocadas em espaços que são molhados, em ambientes de praia (devido à areia), cerâmicas para ambientes internos e externos

Piscina com revestimento rústico
Foto: PlantasdeCasa

Cerâmicas 3D exigem mais cuidado com a limpeza, principalmente na cozinha. Cobogós também, apesar de serem ótimos para deixar passar luminosidade e melhorar a circulação de ar. Analise se vale ter este trabalho extra (o cobogó abaixo eu acho uma ótima e bela solução para esta cozinha).

Cobogó na cozinha
Projeto Estudio FCK Foto: Luis Gomes

Uma bancada de madeira pode ser linda na cozinha, mas vai dar um trabalho enorme para manter. Muito maior que uma bancada de granito. Será que vale a pena?

Eu sugiro que nunca, pela beleza, escolha um revestimento que vai lhe dar eterna dor de cabeça, por mais trabalho e gastos para manter.

É claro, você pode escolher isso, mas não diga que não avisei! Rs!

4) Fazer (ou permitir) mudanças fora de hora

Esse é um fantasma que assombra os arquitetos, designers e empresas de planejados, mas também pode estragar tudo que você, que está tocando sua reforma sozinho(a), planejou: As mudanças fora de hora! Veja porque:

a) Eletrodomésticos tem aspectos técnicos que variam de modelo para modelo (como o espaço livre que o fogão embutido deve ter para funcionar corretamente – as vezes mesmo tendo as mesmas medidas)

Então, quando você vai fazer o projeto dos armários de sua cozinha já deve ter certeza do modelo de fogão, geladeira, forno, etc, que vai usar. Mudanças posteriores ao projeto podem gerar tempo e/ou gastos extras.

bancadas de banheiros
A altura das bancadas é a mesma, mas os armários tem tamanhos diferentes pq as cubas são diferentes

b) Cada tipo de cuba exige uma altura de armário diferente, vasos sanitários podem ter medidas (e encaixes) diferentes, assim como peças hidráulicas (torneiras, por exemplo)

c) Até a mudança de cor de um item pode interferir bastante no projeto, atrasar entrega e gerar mais gastos

Portanto, gaste muito tempo escolhendo para evitar ao máximo mudanças fora de hora.

Esses são apenas alguns dos muitos pontos que podemos considerar “detalhes que podem estragar sua reforma” gerando atrasos, gastos e irritação.

Para lhe dizer a verdade, praticamente nada é detalhe no design de interiores e decoração quando você quer tirar o máximo conforto, beleza e funcionalidade de sua casa.

Deu medo de fazer uma reforma sozinha(o)? Percebeu que sua reforma envolve muito mais do que você pensou? É para isso que existem profissionais!

Espero que você tenha gostado deste post e que lhe ajude a não esquecer esses detalhes que podem estragar sua reforma!

Visite nossas redes sociais e conheça nossos serviços!

1)Caso tenha interesse em um projeto ou  consultoria para sua casa, apartamento ou ambiente escreva para [email protected] , fale sobre o seu problema e envie foto(s) dos ambiente(s) na luz do dia. Nós realizamos consultoria específica e também projetos completos sempre respeitando o seu gosto, orçamento e necessidades.

2)  Acesse tbém nosso FacebookPinterest ,  Instagram  e YouTube. Em cada um temos conteúdos diferentes!

3 COMENTÁRIOS

  1. Adorei as sugestões pra ficarmos atentas! Detalhes bem importantes, que no final fazem toda diferença.

  2. Oi, Antonio!
    Sim! As opções de decoração são questão pessoal. Mas nos casos que considerei aqui, estou chamando a atenção para questões (talvez exceto a primeira) que não são de gosto pessoal, mas sim de funcionalidade e segurança.
    abs
    ROsana

  3. ótimas sugestões. não acha que, ainda com todos esses conselhos – que são importantes! – as opções de decoração serão sempre uma questão pessoal? obrigado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui