Olha que umas coisas importantes em uma sala de estar são as mesas de centro e apoio (aquelas laterais, sabe?). É muito ruim você estar com um copo ou xícara na mão e não ter onde colocar, não é mesmo? Além da questão estética, elas são funcionais e não podemos esquecer disso.

vtinteriors234E nem precisa ser uma mesa. Baús, garden-seats, puffs, um monte de móveis servem. Se tiverem altura, profundidade e distância boas para quem estiver sentado usar, como nesta sala, está tudo certo!

vidaeestiloterrasala7Salas estreitas pedem mesas de centro estreitas, como esta. Veja que ela é estreita e comprida. Todos sentados tem acesso fácil à ela. A mesinha lateral tbém pode ser usada por quem está na ponta do sofá, apesar que a achei  um pouco baixa para a altura do braço do sofá…

triodesignersala1Não tem espaço para uma mesa de centro? Isso pode ser resolvido acrescentando, atrás do sofá, uma prateleira ou móvel baixo como o da foto acima. Ele pode ser bem mais estreito e já funciona bem como apoio para copos, etc.

tresstudiotonos-pastel-el-salon-comedor-L-XoXQCLVocê pode até achar bonitinho este conjunto de mesas (bancos?) no meio desta sala. Mas não são nada funcionais …Só decorativos (há quem goste…:( ). A questão é que mesmo que você tenha espaço para colocar móveis somente decorativos – coisa difícil com estes imóveis cada vez menores – você deve pensar se o conforto das pessoas que vão usar o espaço não foi afetado. No caso desta foto, foi.

thinkdecor mtOQ1qztjh2o1_500Falar em bonitinho, veja esta sala. Eu tenho um certo “problema” com a mesinha amarela com “pés de galinha” (repararam ? rs!). A mesa (puff?) central, apesar de talvez estar um pouco distante e ser baixa, tem harmonia com o ambiente, mas esta mesinha amarela… Não encontro qquer elemento na sala, ao menos nesta foto, que tenha algo a ver com ela. Este estranhamento é pq acho que a mesinha amarela não “conversa” com o ambiente. Não há nada que repita qquer das características dela. E ela não é nada “discreta”.

thinkdecor  tv janela aG1rqg8h3o1_500

Mas, olha que interessante: Apesar de achar (na foto acima) que talvez a mesa em madeira  tenha um diâmetro pequeno para atender o sofá e mesmo vendo que esta cor de madeira e o formato arredondado não são repetidos no ambiente, além do design da mesinha espelhada ser “ousado” para a sala, eu vejo harmonia!  Porque? É que a a almofada repete a sinuosidade dos veios da madeira da mesa, a cor da madeira combina com as demais e o móvel espelhado reflete todo o entorno, “captando” suas cores. Este é um trabalho de design de alto nível, quando se consegue ser sutil e diverso. Fórmulas “certinhas” podem ser óbvias demais! Ousar de vez em quando, com sabedoria, é bom!

thezhush45-1

Mas olha a beleza de uma fórmula “certinha” também: A mesa de centro repete as cores existentes no ambiente, as mesas laterais repetem o material das poltronas à direta, as alturas e distâncias estão perfeitas ! Uma sala confortável e bonita. Não há nada errado em ser “certinho”. Tudo depende do que vc gosta mais e de manter a funcionalidade!

Medidas e Distâncias: Já falei sobre este assunto nos na série “A medida das coisas” e na página “Guia-Sala” mas sintetizando:

mesas2

1) Entre o sofá/poltronas  e as mesas,  uma distância máxima de 60cm. É mais ou menos o quanto a média das pessoas adultas consegue alcançar um objeto sobre a mesa sem desconforto

2) O comprimento da mesa deve  ser tal que no mínimo “sobrem” 50 cm de sofá de cada lado (não considere o braço do sofá, mas somente a área de assento). Mesmo a pessoa lá no cantão, vai conseguir acessar a mesa sem problemas.

3) A largura da mesa depende do quanto você tem de espaço para circulação. O espaço livre  mínimo é 60cm. O ideal é 80 cm.

Estas medidas mínimas e máximas ajudam a criar um ambiente confortável. Não são “regras de decoração” mas sim questões ergonômicas.

8 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui