Já fiz uma série com 3 posts sobre cortinas, onde falo muita coisa que você precisa saber sobre elas:

Como podem ser instaladas,

Quais os tipos de cortinas,

A que altura devem ser instaladas, qual o comprimento que elas devem ter e como fazer quando há porta e janela na mesma parede

Agora vamos tirar mais algumas dúvidas e mostrar exemplos de como combinar cortinas com a sua decoração.

Como combinar cortinas com a sua decoração

Antes de tudo, entenda: A melhor cortina não é somente a mais bonita. Há questões estéticas e funcionais que devem ser pensadas.

Neste post vou falar sobre algumas questões estéticas importantes.

Questões estéticas

A altura do pé direito do ambiente

Quanto mais baixo o teto, mais rente a ele deve ser a cortina. Assim, como vc já deve saber, o teto vai parecer mais alto e o ambiente mais elegante. 

Vai parecer ainda mais alto e elegante se você criar linhas verticais com xales (ou 2 cortinas em trilho ou varão duplo) contrastantes, por exemplo:

sala corredor com  cortina com xale - Como combinar cortinas com a sua decoração
Foto (modificada): Casa e Jardim

Com isso você também pode regular melhor a luminosidade.

Quando o pé direito é alto ou duplo e as cortinas vão até o teto elas podem acrescentar muito de beleza:

sala com pé direito alto
Foto: ArthurDecor

E muito impacto se elas contrastarem com a cor da parede, mesmo não tendo o pé direito tão alto assim:

quarto pequeno com cortina impactante
Foto: CasaAbril

Repare que a cortina tem um pouco mais que a largura da janela. Em ambientes pequenos essa é uma boa forma de colocar uma cortina, – principalmente se ela for contrastante com a cor da parede – sem “pesar” no ambiente.

quarto com teto alto e cortina com varão
Foto: perfeitaordem

Por outro lado, você pode optar por uma cortina mais baixa em um teto muito alto para não chamar a atenção para ele e aumentar o aconchego do ambiente.

O que há (ou o que você quer fazer) no teto do ambiente

Você tem forro, sancas, iluminação, cortineiro etc., no teto? Ou pretende colocar?

Caso tenha, harmonize a cortina com o que já existe e não deseja mexer.

Caso não tenha e pretenda ter, é preciso planejar e realizar as obras/instalações necessárias de acordo com a cortina que deseja colocar.

sala com sancas e cortineiro embutido
Foto: arkpad

Tetos muito trabalhados com sancas e iluminação pedem, para equilibrar, cortinas discretas, sejam leves ou encorpadas.

Lembre-se que atualmente a preferência é por tetos mais simples e retos e cortinas leves, como o abaixo:

sala com cortineiro embutido
Foto: Voceprecisadecor

O cortineiro pode ser embutido no forro (como acima) ou sobreposto e sempre valoriza a cortina.

sala com cortineiro sobreposto de gesso
Foto: bugremoda

O sobreposto pode ser feito no forro ou direto na laje, usando gesso ou madeira, mdf, isopor etc. (nesses casos também pode ser chamado de bandô ou sanefa).

Sala corredor com Cortina com cortineiro sobreposto
Foto: Behance

Atenção que o cortineiro precisa de um espaço que depende do tipo de cortina que você irá colocar, do tecido, se ela será muito encorpada ou não, se irá colocar trilho simples, duplo ou varão etc. Quanto mais volumosa a cortina, maior espaço você precisará para ela (de 10cm para as leves em trilhos a 25 cm para as mais encorpadas e/ou duplas).

Atualmente vem sendo muito usada uma espécie de moldura, que pode ser feita com diversos materiais, em volta de toda a janela com cortina:

cortina com moldura na sala
Foto: casavogue – Projeto: Sergio Valliatti

O tamanho do ambiente

Quanto mais encorpada e em cor que contraste com a cor da parede, mais uma cortina “ocupa espaço”:

sala corredor com cortina estampada
Foto: MuitoChic (original e modificada)

Mesmo usando somente cores similares as que já existem no ambiente, esta minha “linda estampa”(rs!)  na foto de baixo “ocupa” mais “espaço visual” , pesando mais no ambiente que a bela neutra e leve da foto original.

Ambientes pequenos, em geral, ficam sobrecarregados com cortinas encorpadas, ou em cores contrastantes com a parede ou com estampas grandes e/ou muito coloridas, ainda mais se estiverem na parede mais comprida do ambiente.

Mesmo em grandes ambientes é preciso muito cuidado ao usar cortinas com estampas grandes e/ou muito coloridas: Para usá-las, o mais fácil é simplificar a decoração em termos de cores e objetos para equilibrar o resultado.

sala com cortina estampada harmônica
Foto: prodesign Cornwall-Penthouse

Repare que a cortina estampada possui cores já existentes no ambiente (o fundo é idêntico a cor da parede) e que a decoração é simplificada em cores, estampas e objetos.

O estilo de decoração do ambiente

Acho claro que todos entendem que um ambiente sofisticado como esse, na  foto da esquerda:

cortinas devem seguir o estilo de decoracao do ambiente
Fotos: onehourtumblr e Apartment77

não combina uma cortina rústica como a da foto da direita, concorda? 

No ambiente mais sofisticado a  cortina mais despojada e rústica desvalorizaria tanto o ambiente como a cortina, que ficou bem no ambiente simples onde ela está.

Os tipos, posição e/ou quantidades de janelas ou portas

Muitas vezes somos limitados ou desafiados pelo tipo e/ou quantidade de janelas ou portas que o ambiente possui.

Muitas portas ou porta e janela em uma só parede podem ter 2 conjuntos de cortinas com 2 ou um só varão ou trilho, por exemplo. Leve em conta, para decidir, o que é mais funcional (modifiquei a foto, inserindo cortina e varão).

sala com 2 portas na mesma parede
Projeto: Walter Mendonça e Ana Brito Foto (modificada) : Mariana Orsi

Quando o espaço entre as 2 aberturas é grande, o ideal é que sejam 2 conjuntos de cortinas separados.

quarto com cortina em janela descentralizada
Foto: revistacasalinda

Caso a(s) janela(s) ou porta(a) não seja(m) centralizada(s) na parede você pode centralizar a(s) cortina(s), conseguindo maior simetria:

Quarto com janela muito descentralizada
Projeto: arquitetos Renato Andrade e Erika Mello16

Mas caso a janela seja muito descentralizada e o ambiente pequeno, eu prefiro não fazer isso e colocar um quadro, por exemplo, na parte maior da parede. Fica mais leve e interessante, na minha opinião.

Cortina painel para grandes aberturas
Foto: Hunter Douglas

Para ambientes com portas muito grandes há a opção de cortinas do tipo painel, que são mais leves e ocupam mínimo espaço. Os painéis podem ser usados em muitas situações, mas para ambientes – principalmente pequenos – com paredes só com portas e/ou vidros, como a acima, é uma ótima opção.

Há casos mais difíceis, como esses:

cortinas em sala grande com pe direito duplo
Foto: construindominhacasaclean

Contrariamente ao que se diz por aí – sempre usar o mesmo modelo de cortinas no mesmo ambiente – a solução, que ficou bonita, tem cortinas bem diferentes. É claro que por ser um grande ambiente e ter um pé direito alto, foi possível essa liberdade.

cortina com porta que abre para dentro
Foto: houseofturquoise

Quando a porta ou janela abre para dentro, a cortina deve ter o varão ou trilho largo o bastante para que a cortina corra para a parede, permitindo a abertura total.

cortinas rolo e romana
Fotos: decorfacil (romana) e casaeconstrucao (rolô)

Caso não haja espaço nas laterais a solução é colocar cortina romana ou rolô.

Principalmente em ambientes pequenos, quando há algum móvel na parede onde estará a cortina, opte por cortinas curtas (como na segunda foto). Assim, tudo fica mais leve e funcional.

O quanto você deseja enfatizar a presença da cortina na decoração?

Ela pode ser bem discreta e leve ou ser o ponto alto da sua decoração. Tudo depende do que você deseja.

cortina estampada na sala pequena
Foto: Mintyinspirations

A bonita cortina acima fica no meio do caminho: Não é tão discreta que não chame a atenção e acrescenta interesse à bela sala, mas não é exageradamente chamativa, não chegando a ser o único ponto focal da sala, o que é bom, pois o restante da sala é muito bonito para ser ofuscado.

E então? Aprendeu alguma coisa que poderá lhe ajudar na sua decoração e sobre como combinar cortinas com a sua decoração? Diz prá mim! Compartilha e comenta! Se tiver mais dúvidas, escreva nos comentários.

E no próximo post vou falar sobre as questões funcionais das cortinas, viu ? Aguarde!!!

E não se esqueça das nossas redes sociais e serviços!

1)Caso tenha interesse em um projeto ou  consultoria para sua casa, apartamento ou ambiente escreva para [email protected] , fale sobre o seu problema e envie foto(s) dos ambiente(s) na luz do dia. Nós realizamos consultoria específica e também projetos completos sempre respeitando o seu gosto, orçamento e necessidades.

2)  Acesse tbém nosso FacebookPinterest ,  Instagram  e YouTube. Em cada um temos conteúdos diferentes!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui